Ler para Escrever; Escrever para Ler

Ler é importante para escrever, quando começa a escrever, muda sua perspectiva como leitor. Tens algo a dizer, o fará na forma escrita, deve escolher as palavras, sua ordem espelha seu argumento. Há muitas maneiras de dizer, o escritor deve escolher cada palavra, prestar atenção nestes ínfimos detalhes que muitas vezes são invisíveis ao leitor. Pense na escrita como um show de mágica, pombas somem e aparecem, coelhos brotam do nada, mulheres são fatiadas para depois aparecerem inteiras; é uma ilusão, não sabemos sua mecânica, mas nos deixamos maravilhar. O leitor é o espectador, a ele não interessa como o truque é feito, apenas deixar-se iludir; o escritor é um mágico, ele não assiste ao show como os outros espectadores, fica pensando em como o truque foi feito, observa com atenção e destrincha o segredo da ilusão.

O escritor ganha uma nova dimensão no exercício da leitura, entra em pequenos detalhes, a micro mecânica do texto, pode-se dizer a mesma coisa de maneiras completamente diferentes, algumas com mais efetividade outras com menos, os grandes escritores potencializaram suas estórias escolhendo cuidadosamente as palavras e a maneira de ordená-las; a muitos esta visão analítica pode tirar parte do encanto místico da escrita, o problema é que misticismo não se presta a nada que não seja erro ou falsidade. Não é por dissecar de forma analítica um texto que vamos deixar de apreciá-lo, muito ao contrário, a grande habilidade do autor brilhará mais intensamente sem brumas de ilusão.

Escrevemos desde nossa entrada na escola, todos escrevem, a diferença está em ser autor, ter propriedade sobre a escrita, autoria, é aí que a compreensão analítica da escrita fará diferença, irá usar as ferramentas de modo próprio, existem muitas maneiras de escrever, apenas uma é sua. Enquanto os simplórios se preocupam apenas com a correção vernacular, o autor quer mais das palavras, usa-as para algo mais que o escritor inconsciente, escolhe com cuidado, analisa e não se deixa levar, sobre seu texto impõe-se sua vontade, personalidade.

É esta visão e compreensão que o leitor escritor, carrega para o ato de ler, pensa, analisa e maravilha-se ao ver com clareza a mecânica utilizada pelos grandes escritores, para ele a leitura ganha nova dimensão, invisível aos não iniciados, incapazes de ver a mestria dos truques envolvidos na ilusão do mágico.

Ler como escritor é divertido, um novo universo abre-se à sua visão, uma mecânica minuciosa irá revelar-se a ti e poderá distinguir com mais propriedade a habilidade dos autores; como para o cozinheiro treinado, um prato, como um livro, trará muito mais do que ao leigo que só terá o sabor combinado, verá universo maior e mais diverso, mais sabores, mais prazer.

Alex

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s